Me resumir é fácil, sou simples, gosto  de literatura, de poesia, amo Clarice
Lispector, tanto que em cada parte desse blog, vc vai encontrá-la, escrever pra mim é uma necessidade, sento aqui e penso sobre o meu dia, sobre meus sentimentos, sobre meus momentos, e quero guardá-los e repartí-los com voçês...Pra me conhecer basta ler esse blog com o coração e a alma abertos, vc irá saber mais de
mim do que eu mesma...

[Ouvindo]

Those Sweet Words
Norah Jones



[Contatos]

&  

[E-mail]

claudiatrm@uol.com.br

[Fotolog]

[Histórico]

- 01/06/2005 a 30/06/2005
- 01/05/2005 a 31/05/2005
- 01/04/2005 a 30/04/2005
- 01/03/2005 a 31/03/2005
- 01/02/2005 a 28/02/2005
- 01/01/2005 a 31/01/2005
- 01/12/2004 a 31/12/2004
- 01/11/2004 a 30/11/2004
- 01/10/2004 a 31/10/2004
- 01/09/2004 a 30/09/2004
- 01/08/2004 a 31/08/2004
- 01/07/2004 a 31/07/2004
- 01/06/2004 a 30/06/2004
- 01/05/2004 a 31/05/2004



[Outros sites]

- Blog da My Girl (Rah)
- A Paixão Medida (Nina)
- Blog da Pink Perry
- Beabá da Bagaça (Zigue)
- Doidice de Bebel(Bebel)
- Zen
- Afrodite sem Olimpo (Cláudia Letti)
- Um cara, um cão, um blog...(Michel)
- Rabiscando (Decca)
- Conversa de Mulheres (Cherry)
- Ar de Amor (Solange)
- Quase Poema (Guto)
- Anima (Amanda Pinho)
- CláuBlog
- Palavras ao Vento (Pri)
- Olhando a Vida de Frente (Lúcia)
- Beautiful Angel (Angel)
- Apenas, Eu (Cherry)
- Poetry Garden (Magali)
- Blog da Van
- Blog Kálido
- Blog Eita Paulo
- Meu Mundo e Tudo o Mais (Aldy)
- Razão e Sensibilidade (Luiza)
- Paradigma (Lisa)
- My Secret Garden (Fer)
- Singularidade (Rafa)
- Midi-Voice Lulluzinha
- Amanhecer com Poesia
- Poesia Erótica
-
Mulheres que amamos

 


[Votação]

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog

[Contador]

Layout:
by Cláu



 



Detesto despedidas, mas como tudo um dia acaba...
- Postado por: Cláu às 21h31
[ ] [ envie esta mensagem ]


Bom, sinto dizer mas eu estou me despedindo do blog, dos amigos virtuais e tudo o mais. Eu adoro isso aqui, mas chega uma hora que cansa e a gente tem que procurar outras coisas pra se fazer. Enfim ando muito ocupada, tentando viver a minha vida da melhor maneira possível. Foi ótimo desabafar em momentos dolorosos, ou rir de felicidade aqui, e recordar todos os momentos bons da minha vida nesse blog. Era uma terapia pra mim, eu falava, falava, e não me importava se estavam ouvindo ou não, e o que muito me surpreendeu foi que muitos me ouviram, e se tornaram amigos virtuais, alguns reais, até amores já fiz através desse blog, são muitas histórias pra contar, de encontros e desencontros, uma vida comum, como de qualquer outra pessoa, só que muito mais importante por ser a minha...rs Foi bom enquanto durou, nos vemos em outros lugares, afinal o mundo é pequeno, e tudo pode acontecer, as possibilidades são infinitas, enfim, pode até ser que um dia eu faça outro blog, mas vai demorar bastante. Vou sentir saudades de todos! 





Quem tem um amor?
- Postado por: Cláu às 17h22
[ ] [ envie esta mensagem ]


Quem tivesse um amor, nesta noite de Lua
Para pensar um belo pensamento e pousá-lo no vento!
Quem tivesse um amor - longe, certo e impossível - 
para se ver chorando, e gostar de chorar, e adormecer de lágrimas e luar! 
Quem tivesse um amor, e, entre o mar e as estrelas, partisse por nuvem, dormente e acordado, levitando apenas, pelo amor levado... 

Quem tivesse um amor, sem dúvida nem mácula, sem antes nem depois: verdade e alegoria.

Ah! quem tivesse... (Mas, quem teve? quem teria?)" 

Cecilia Meireles 

Ah, eu sempre tão romântica, mesmo a vida me mostrando que o romance está acabado, e que dizer eu te amo anda meio por fora, acho que vou ser sempre romântica, como no dia dos namorados, é um dia pra se estar com alguém especial, e toda vez que eu passava essa data sozinha ficava triste, pensando que todo mundo deveria estar com o seu amor menos eu, que sou tão complicada, e que ninguém me ama...rs Ainda bem que isso faz muito tempo. Hoje em dia acho que sou mais amada do que mereço, e sou feliz apesar de nem sempre achar que sim. Comigo as coisas não são tão fáceis, mas uma coisa eu sei: Amar! Me entrego completamente sem medo, por isso vivi muitas histórias de amor, todas elas inesquecíveis, mas como diz a Cecília, "Quem teve um amor? Quem teria?" Conta pra mim se vc tiver...





Tarde demais
- Postado por: Cláu às 21h17
[ ] [ envie esta mensagem ]


Tarde demais - Marta Medeiros

A beleza e a tristeza da vida podem estar em situações como esta: 
- descobrir, tarde demais, que se ama uma pessoa. 
Pode acontecer até com quem está ao nosso lado neste instante. 
Parece que é um amor morno e sem graça, e que se acabar, 
tanto faz, e só daqui a muitos anos descobrir que nada era mais forte 
e raro do que este sentimento. 
Tarde demais é uma expressão cruel. 
Tarde demais é uma hora morta. 
Tarde demais é longe à beça. 
Não é lá que devemos deixar florescer nossas descobertas...

Acho que estou com medo de que isso aconteça comigo, descobrir tarde demais que amo alguém. Deve ser triste isso. Será que nunca vou aprender a valorizar quem me ama? Será que é preciso perder pra dar valor? Será? E quando sentimos que estamos perdendo no dia a dia, aos poucos? Também é uma forma até mais destrutiva de perder alguém, ainda mais quando vc sabe que não conseguiria viver sem essa pessoa. Quer dizer até conseguiria mas tem certeza que seria doloroso demais pra pagar pra ver. Mas ao mesmo tempo não sei o que fazer, estou sendo sincera e distante pq é assim que estou me sentindo, se eu me forçar a parecer feliz e contente, não estarei sendo eu mesma, e isso eu não faço, não traio a mim mesma de jeito nenhum, já paguei um preço alto por seu eu mesma, e prefiro continuar sendo, mesmo que doa a algumas pessoas, e até a mim...mas acredito em sinais, sei que o que tiver de ser será e confio cegamente nisso. Não vou me preocupar com o futuro, o presente me basta. Só quero ser feliz, não há mal nenhum nisso...